Tomorrowland

Padrão

Nova ficção da Disney é muito mais que um espetáculo visual

Por Leonardo Sanchez

TÍTULO: Tomorrowland: Um Lugar Onde Nada é Impossível

DIREÇÃO: Brad Bird

DURAÇÃO: 130min

GÊNERO: Ficção, Aventura

PAÍS: Estados Unidos

ANO: 2015

4


Walt Disney podia ter vários defeitos, mas era, sem dúvida, um visionário. Não somente deu o ponta pé inicial na produção de longas de animação, como também foi responsável por modelar a forma como consumimos lazer e entretenimento, basta dar uma olhada nos seus resorts espalhados pelo mundo. Atingindo ocidente e oriente, sua carreira contribuiu para o avanço da tecnologia em diversos campos, como o da animatrônica. Seus projetos se baseavam em suas expectativas para o futuro, fato que o levou a criar uma cidade experimental, Tomorrowland, em seu parque Disneyland, em 1955. Hoje muito mais voltada para o entretenimento, a marca evoluiu, mas não perdeu seu foco: projetar uma visão futurista utópica, mas que ainda assim estimula e inspira, como o novo filme de Brad Bird.

Um Lugar Onde Nada é Impossível acompanha Casey Newton (Britt Robertson), uma adolescente que recebe um misterioso pin após ser presa. Ao ir atrás de respostas, a protagonista encontra Athena (Raffey Cassidy) e Frank Walker (George Clooney), que levam ela para Tomorrowland, uma cidade do futuro.

Athena_and_frank

Tomorrowland é o tipo de filme que preocupa por sua ambição: foram muitos milhões investidos em um longa que tinha grandes chances de ficar no convencional, se limitando ao exibicionismo de seus efeitos especiais. Logo no início da obra, porém, fica perceptível que a história de Brad Bird tem um apelo dramático forte, não se limitando à série de erros vista em outras produções live-action da Disney, como Cavaleiro Solitário.

No que diz respeito ao gênero do longa, o espírito aventuresco está presente do começo ao fim. Existe dinamismo, tensão e fascínio, que, aliado ao lado ficcional da trama, acomete crianças e adultos sem dificuldade. Tomorrowland é criada de forma espetacular: tira o fôlego não somente por seu visual, mas por toda a tecnologia nela presente. Mochilas a jato e robôs não são meros clichês científicos, mas exercem papeis importantes para sustentar o universo no qual a história se passa.

tomorrowland-mv-7

Talvez o mais divertido do filme seja a relação que sua trama estabelece com fatos reais. Descobrimos no longa que Gustave Eiffel, Júlio Verne, Thomas Edison e Nikola Tesla eram alguns dos nomes por trás de Tomorrowland e a Torre Eiffel, inclusive, pode não se limitar a uma mera atração turística. Em outro momento, vemos a Feira Mundial de Nova York, ocorrida em 1964, na qual Walt Disney apresentou a clássica atração It’s a Small World (aquela dos bonequinhos que não param de cantar), que, assim como o ícone francês, tem propósitos muito maiores que simplesmente entreter. São pequenos aspectos da história que contribuem para fascinar o espectador e estabelecer uma ponte entre ficção e realidade.

A estética do filme é de tirar o fôlego. As equipes de efeitos visuais e direção de arte fazem um trabalho perfeito e ainda contam com a ótima trilha sonora de Michael Giacchino, que empolga e casa muito bem com o aspecto futurista da trama.

tomorrowland_movie-wide

Não se preocupando somente com o gênero do filme, Brad Bird coloca em pauta assuntos de enorme relevância, aproximando-os do público de maneira delicada, o que resulta em um desfecho de extrema beleza e sinceridade. O diretor repete neste live-action as mesmas qualidades usadas em suas animações: os ótimos Ratatouille e Os Incríveis. É difícil, hoje em dia, ver ficções deste tipo com uma mensagem – ou se quer com algum conteúdo. A ideia que o filme passa ao público, porém, é muito bem trabalhada e serve de inspiração para os jovens, ao mesmo tempo em que dá esperança aos mais velhos. Tomorrowland é uma obra para toda a família, que cumpre com seu papel de divertir, mas sem abandonar o importante debate sobre o que será de nossa “cidade do amanhã”.


Anúncios

Um comentário sobre “Tomorrowland

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s